Terça-feira, 29 de Janeiro de 2008

sos racismo

Gótico proibido de entrar em ônibus por levar noiva na coleira.  

radiomafia às 12:55
link do post | comentar
Segunda-feira, 21 de Janeiro de 2008

my friends

Abro o e-mail e vejo a seguinte mensagem:

One or more of your friends have birthdays coming up this week.
Check out who!


Eh pá, genial, ainda bem que agora existem estes sites que nos avisam para ligarmos aos nossos amigos nestas importantes datas, penso. E os amigos são sempre os amigos. Faço login no myspace e vou ver quem faz anos.
E lá está:

Friends Birthday Celebration - 20th January:  David Lynch

Oh diabo, o David Lynch?
O meu amigo David Lynch faz anos? Como me pude esquecer? David: parabéns pá! Desculpa não te ter ligado ontem, mas, bem sabes, por vezes a nossa cabeça está tão ocupada tão ocupada que até dos amigos nos esquecemos. Mas mesmo atrasado não podia deixar passar esta data. E então, diz-me, como vai isso? Está tudo bom contigo? E a família? Sabes, tenho falado muito com o Mike Figgis. Aliás, devo dizer-te que ele me deixa muito mais mensagens do que tu – não é boca nenhuma, mas queria deixar o reparo. Por acaso não ficaste zangado comigo por não te ter colocado o teu filme nas minhas escolhas de 2007, pois não? Não amues, pá, bem sabes que te adoro! Assim, como o Paul: o gajo que agora até já terminou aquele filme do petróleo (o Mike diz que o filme é uma bomba!) podia lembrar-se dos amigos, mas já não dá sinal de vida há meses - estará tudo porreiro com ele? Quando um amigo fica sem dar noticia muito tempo é obvio que fico preocupado. Vê lá se consegues saber algo, ok? Bem, parabéns pá! Vou beber uma cerveja por ti!

radiomafia às 13:59
link do post | comentar | ver comentários (3)
Domingo, 20 de Janeiro de 2008

assassination of jesse james



O primeiro excelente filme de 2008.

Fantástica também a banda sonora de Nick Cave (também dá uma perninha do filme) e do ex - Bad Seeds Warren Ellis. Obrigatório.

radiomafia às 21:20
link do post | comentar

o triunfo dos porcos

Hoje há eleições em Cuba e a população vai às urnas exercer o seu direito democrático. Apesar de um só partido surgir nos boletins de voto, ninguém parece querer arriscar um vencedor - a democracia é assim mesmo, até ao último voto ser contado nunca se sabe. Não se sabe mas eu aposto no Fidel. Estou com um feelling...

 

Podem seguir tudo escrito na mais que perfeita Novilíngua aqui.

radiomafia às 18:59
link do post | comentar
Sábado, 19 de Janeiro de 2008

awesome

Ceremony, Radiohead

Radiohead tocam New Order a tocar Joy Division.

(Thanxs P.)
radiomafia às 14:36
link do post | comentar | ver comentários (1)
Quinta-feira, 17 de Janeiro de 2008

não é brincadeira não

Amigos: a pastelaria Gostosona está distribuindo gratuitamente bolas de berlim, com o objectivo de se equilibrar com a pastelaria Docinho, que vai liderando o mercado. A Gostosona deseja deste modo aumentar sua popularidade no mercado das bolas de berlim. Basta enviar uma cópia deste e-mail para 8 (oito) dos seus contactos. Dentro de duas semanas você receberá em sua casa uma deliciosa bola de berlim. E há mais: se a mensagem for enviada para 20 (vinte) ou mais pessoas, então aí você receberá ainda um conjunto de seis mini-tortas de abacaxi e fica habilitado a salvar um moleque que nasceu com doença ruim. Importante: é preciso enviar uma cópia do e-mail para jojo@pasteisdagostosona.com. Não é brincadeira não. Eu enviei só para testar e agora estou recebendo bolos todos os dias. Bacana, né?

radiomafia às 21:05
link do post | comentar | ver comentários (1)
Domingo, 13 de Janeiro de 2008

rinconcillo


Rinconcillo, Sevilha


No Rinconcillo, a casa de tapas mais antiga de Espanha, bebe-se muita cerveja mas es prohibido terminantemente el cante.

radiomafia às 16:08
link do post | comentar | ver comentários (10)
Sexta-feira, 11 de Janeiro de 2008

hoje chove

Ver chuva em Sevilha, uma cidade que quase prescinde de telhados, é uma coisa sempre bela porque tao rara. É como um golo do Nuno Gomes.

radiomafia às 20:59
link do post | comentar | ver comentários (1)

1 + 1 = 3

 O estuário de Sevilha tem uma particularidade admirável: dado a imensa planície e o jogo das marés, o Mediterrâneo entra frequentemente pelo Guadalquivir, tornando o estuário umas vezes de água doce, outras de água salgada, outras ainda apresentando-se com uma distintiva mistura de ambas. Os pescadores agradecem.

radiomafia às 20:55
link do post | comentar

o hino

I. diz-me que o problema da desintegração de Espanha é  não terem hino nacional. Melhor, existe, mas só a música, letra não. Cantar o hino é cantar uma sequência de tchan tchan thcan (e gesticula um bater de pratos). E como é ridículo ver os atletas olímpicos cantarem tchan tchan tchan desde o pódio.

Discute-se, neste momento, uma letra para o hino.

radiomafia às 20:50
link do post | comentar

Lucio Costa sucks

Andrés Perea Ortega é uma estrela da arquitectura espanhola (sim, há vida para além de Callatrava). Como tal, arrasta sempre um montão de fans às suas conferências. Este fenómeno intensifica-se agora que se fala da nova jóia da coroa da exportação espanhola: uma cidade.

Andrés Perea ganhou o concurso para o desenho da nova capital da Coreia do Sul: uma cidade para 500 mil habitantes (para que Seoul possa respirar um pouco melhor). Perea apresenta o seu projecto para esta cidade. Meio milhão de habitantes, em 25 conjuntos operacionais de 20 mil cada, sempre misturando habitação (diversas tipologias) com industria e serviços. Diz que é o contraponto à cidade compacta do sec XIX (Paris, Londres) e à cidade dispersa do sec. XX (Los Angels). É uma tentativa de união entre as altas densidades e o campo (campo mesmo, com cultivo de arroz incluído). Propõe uma forma circular, com um grande parque natural do meio, como um enorme Donuts. Tem alguns princípios da Cidade Linear de Arturo Soria y Mata (também ele espanhol), que Ortega diz admirar. A nova cidade proposta tem grande um eixo de transportes, circular, bem no cento em volta de toda a cidade, em zig-zag (para proporcionar perspectivas diversas aos passageiros, refere); a partir deste eixo,  poderá ser acedida qualquer ponto da cidade a pé.  

Tudo parece previsto (até o local por onde vai passar um corredor de pássaros) e as soluções sempre sensatas. As imagens que vai passado são arrebatadores: fotos actuais do local, "fotos" futuras do local,  muitos 3Ds, edificios, plantas, praças, ruas, parques, áreas de arrozal, tudo em imagens, tudo real. Até as pessoas 3D que passeiam na cidade apresentam um sorriso de pura felicidade. Tudo perfeito e belo. Ortega termina a sua apresentação sob uma enorme ovação de um público ainda meio boquiabarto com o que acabava de ver. Eu próprio saio totalmente vergado ao projecto (onde se compram as t-shirts “Perea tu es lo mayor”?).

 

O futuro, bem sei, desmentirá tudo isto.

 

Parte das infraestruturas desta cidade estão já em construção. No entanto, o projecto poderá ser interrompido se a oposição sul-coreana (oposiçao política, mas também à ideia da transferencia da capital) ganhar.

 

Site de Andrés Perea.

radiomafia às 19:18
link do post | comentar | ver comentários (1)
Quarta-feira, 9 de Janeiro de 2008

fiesta 2

Hoje há um Sevilha – Barcelona no que mais importa: futebol. Onde compro os bilhetes?

radiomafia às 17:32
link do post | comentar

sangue latino

N. diz que na sua cidade natal – Burgos – há um grande bairro social, com uma série de blocos de apartamentos modernistas, onde as pessoas adoram andar na rua vestidos de fatos de treino. N. designa aquele bairro de Cuidad Olimpica.  

radiomafia às 17:27
link do post | comentar

fiesta 1

A cerveja Cruz Campo não nada de especial mas bem cumpre a condição mínima - apresenta-se fresca. Depois, temos sempre a Heineken, que é a melhor cerveja para pedir nos países onde a cerveja é fracote.

radiomafia às 17:24
link do post | comentar | ver comentários (2)

será isto o iberismo?

Almoçar em Portugal, jantar em Madrid, beber umas cañas em Sevilha.

radiomafia às 17:21
link do post | comentar
Segunda-feira, 7 de Janeiro de 2008

fast forward on tour

Exibição de curtas-metragens premiadas no Fast Forward Portugal no espaço Maus Hábitossábado, 12 Jan., às 23h. Apareçam. Pagamos uma cerveja.

radiomafia às 12:43
link do post | comentar
Quarta-feira, 2 de Janeiro de 2008

o que mais gostei

Na música e cinema em 2007.
(Pretendia, em ambos os casos, fazer uma lista de três escolhas, mas ficaram somente duas: foi muito fácil encontrar duas que se destacassem - e, para mim, destacaram-se folgadamente - e havia muitos pretendentes ao terceiro lugar do pódio. Vai daí, nada para ninguém - ficam somente as referências).


Música

Sound of Silver, LCD Soundsystem

James Murphy considera-se punk e diz que não gosta de música de dança. No entanto, a música que faz (também) é de dança. E até faz remisturas directamente para as pistas (a propósito, procurem uma remistura que fez de Young Folks, de Peter, Bjorn & John - sim, a dos assobios). Confuso? Não muito. Os LCD Soundsystem fazem o que os New Order fizerem nos anos 1980: um rock ao mesmo tempo ruídoso e melódico, com guitarradas junto a fortes batidas electro, com letras pop ora cor-de-rosa ora cinza escuro. O albúm que lançaram em 2007, Sound of Silver, é o mais belo conjunto de músicas ano: North American Scum, Someone Great, All My Friends (com aquele piano!...), New York, I Love You But You're Bringing Me Down, mostram o génio que James Murphy representa na música actual. Para comprovar (e dançar), aqui e aqui.


The Good the Bad and the Queen, The Good the Bad and the Queen

Quando acontece uma reunião de grandes músicos de diferentes bandas e influências, normalmente desconfio. Por regra, isto sucede em acções pontuais de beneficência, ou, mais frequente, significa que a inspiração já não é grande e estes músicos procuram sobreviver com os elevados créditos de cada um deles. O resultado, porém, é sempre inferior à soma das partes. Como diz uma amiga, o melhor é que parem e que constituam família.
Diferente é o projecto The Good the Bad and the Queen. A banda - um verdadeiro dream team -, é uma ideia original de Damon Albarn (Blur), e junta, além deste, Paul Simonon dos Clash, Simon Tong dos Verve e o “senhor afrobeat” Tony Allen. O resultado é um álbum denso, melódico, muito Pop mas pouco Britpop (quem procurar aqui o sinais dos Blur ou dos Gorillaz pode desistir). É um produto totalmente conceptual, narrativo (próximo de um livro?), que nos fala de uma Londres sombria, subterrânea, fumarenta, desumanizada e em guerra. O álbum apresenta-se como um conjunto de músicas que deve ser consumido como um todo e não se permite a escutas de faixas isoladamente (perde-se o “contexto”). Pode não dar para dançar, mas é do melhor para ouvir no carro. De longe, o mais original álbum do ano.
Ouvir aqui.

E mais:
Radiohead – In Rainbows
Arcade Fire – Neon Bible
The National - Boxer
The Shins - Wincing the Night Away
Animal Collective - Strawberry Jam
Interpol - Our Love to Admire

Cinema

The Flags of Our Fathers / As bandeiras dos nossos pais, de Clint Eastwod
Letters from Hiwo Jima/ Cartas de Hiwo Jima, de Clint Eastwod

Clint Eastwod é hoje uma pessoa central no cinema norte-americano. Tem uma já longuíssima e insuspeita carreira, enquanto actor e realizador, e é mesmo o último dos “grandes clássicos” de Hollywood. Enquanto realizador, assinou já trabalhos absolutamente brilhantes como Perfect World / Um mundo perfeito, Midnight in the Garden of Good and Evil / Meia noite no jardim do bem e do mal e Mystic River. Em 2007, e apesar da idade já avançada (ainda assim, um puto ao lado do “nosso” Oliveira), foi uma vez mais brilhante (na verdade, os filmes são já de 2006 mas só chegaram cá em 2007). E desta vez em dose dupla.
Eastwood propôs-se filmar a tomada norte-americana da ilha de Hiwo Jima ao Japão, durante a II GGM, em dois episódios para mostrar as duas perspectivas da guerra. Daqui resultaram duas obras absolutamente brilhantes. Flags of Our Fathers / As bandeiras dos nossos pais, o primeiro a estrear, conta a versão americana do combate a partir de uma fotografia dos militares a erguer a bandeira norte-americana na ilha e mostra como isso foi importante para a promoção da participação na Guerra (lembremo-nos da série Why we fight, de Frank Capra). O segundo episódio é Letters from Hiwo Jima/ Cartas de Hiwo Jima e baseia-se nas notas deixadas pelo comandante das tropas japonesas nesse combate. Este filme é, desde o início, uma comovente descrição dos sentimentos dos vencidos (e que o perceberam claramente desde o início), muito sério e que foge aos lugares comuns que, de algum modo, poderia cair.
Se é verdade que neste duplo projecto Clint Eastwood contou com toda a máquina de Hollywood (e trabalhou com pessoas como Spilberg na produção e Paul Haggis no argumento) devemos reconhecer - se dúvidas houvessem - que estamos perante um enorme realizador. Eastwood filma com a mesma qualidade com que o Dirty Harry dava porrada. Soberbo.

E mais:
Promessas Perigosas, de David Cronenberg
Zodiac, de David Fincher
À Prova de Morte, Quentin Tarantino
Control, de Anton Corbijn

Agora resta aguardar as novidades de 2008. Para já, expectativa máxima de novo para os Radiohead e, no cinema, para o regresso do Francis Ford Coppola (parece que é desta) e de Paul Thomas Anderson (que desta vez nos traz também Daniel Day-Lewis). Promete!
radiomafia às 23:33
link do post | comentar | ver comentários (3)
Terça-feira, 1 de Janeiro de 2008

Quiz 2008

Vamos lá saber quem é cidadão responsável e informado.

 

Quando se avistar um fumador, deve-se:

 

a)      repreende-lo com um “oh fumador, tu andas-me a matar!”;

b)      agarra-lo e chamar imediatamente a policia;

c)      atirar-lhe com uma pedra;

d)      puxar de um cigarro.

radiomafia às 20:59
link do post | comentar | ver comentários (2)

mais sobre mim


ver perfil

. 2 seguidores

Abril 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

pesquisar

posts recentes

Polanski

fun is back

Fantas

não voltará a acontecer

there will be blood

sex out of the city

championship manager

Dakar

UFO

mozilla

arquivos

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

links

Add to Technorati Favorites
blogs SAPO

subscrever feeds